segunda-feira, 31 de agosto de 2009

PUNHOS DE AÇO n° 1

HQ-PUNHOS DE AÇO.jpg

Brasil (1977)

Editora Bloch

Licenciado pela Marvel Comics

Punhos de Aço é mais um herói da linha “mestre do kung fu”. Assim como Shang Chi ou o Judoka, o nosso protagonista aqui resolve todos os problemas ao aplicar os golpes assimilados pela técnica milenar de combate. Este número de estréia trouxe a história “O Duelo de Ferro” com um time de gigantes: roteiro – Chris Claremont, desenho – John Byrne e arte-final a cargo do subestimado Al McWilliams. Lançada por lá em 1975 com o título de “Iron Fist” o personagem nunca gozou de prestígio e popularidade entre os leitores da Marvel. Hoje, com uma análise mais fria, percebemos que a força de suas histórias eram 100% o roteiro, sendo que o próprio personagem é meio incompleto e seu uniforme  sem graça. Bem, o Punhos de Aço invadiu a mansão do Tony Stark e o Homem de Ferro, sem querer saber de explicações o toma como criminoso. Porrada garantida. Na outra história “O Vale Maldito” temos novamente o pessoal lá de cima desenhando e roteirizando enquanto a arte-final desta vez a cargo de Frank Chiaramonte (??). Agora o Punhos de Aço encara traficantes e feiticeiros. A surpresa desta edição foi a publicação das fotos da luta entre Chuck Norris e Bruce Lee, no Coliseu, por ocasião do filme “O Vôo do Dragão”. Este combate que eu vi primeiro em papel, neste gibi, é considerado por fãs de artes marciais a melhor luta de todos os tempos já filmada.

BOLOTA, BROTOEJA E TININHA

HQ-BOLOTA.jpg HQ-BROTOEJA.jpg
Brasil (1968)
Editora RGE
Aahh… estes gibis licenciados pela Harvey foi de certa forma minha porta de entrada pelo mundo dos quadrinhos. Após a morte do meu pai, meu, também falecido, tio Florêncio me trazia pilhas e pilhas de gibis toda a semana. Confesso que devido minha pouca idade priorizava a leitura dos infantis e coloridos e deixava os outros para depois. Bolota, Brotoeja e Tininha eram os títulos que a RGE lançava naquela década. Mais exatamente em 1968 e, primeiramente, em formato americano. Em 1975, quando a numeração destas revistas chegou à casa dos números 80, 90, foi adotado o tradicional formatinho. HQ-TININHA.jpg
Me recordo de ver alguns desenhos na TV com estes personagens mas foram de exibição tão rara e efêmera que alguns juram que nunca existiram. De todo modo, as capas aqui correspondem aos quadrinhos “Bolota” n° 101 (de 1975), “Brotoeja” n° 1 (de 1968) em inglês “Little Dot” e finalmente “Tininha” (“Little Audrey” nos EUA) nº 89. Todos com 50 páginas coloridas e fazendo menção ao peso (Bolota), bolinhas (Brotoeja), peraltices (Tininha). A Rio Gráfica Editora publicava junto com estes títulos os gibis do “Riquinho” e do “Gasparzinho” personagens de certa forma mais famosos e tradicionais.

Aqui o trailer de abertura da Harvey.

AS AVENTURAS AMOROSAS DE UM PADEIRO

padeiro

Brasil (1975)

Direção: Waldir Onofre

Elenco:Paulo César Pereio(Padeiro), Maria do Rosário (Rita),Haroldo de Oliveira, Ivan Setta, Procópio Mariano e Rafael de Carvalho

Provavelmente a melhor atuação da carreira de Paulo César Pereio, “As Aventuras Amorosas de Um Padeiro” é um caso curioso de filme que o tempo varreu para debaixo do tapete mas que resiste facilmente a um segundo olhar.

Esta comédia finíssima ambientada nos subúrbios do Rio de Janeiro conta a história do triângulo amoroso entre Rita e Mário recém casados e o padeiro português Marquês (o Pereio com barba enorme de ZZ Top). Mário é o típico classe média ascendente que se destaca como gerente de uma concessionária de automóveis ganhando simpatia, e promoção,do patrão. Como quer fazer um bom “pé de meia” ele é 100% trabalho e não dá muita atenção para Rita, sua noiva.

Mas o que o esforçado Mário não sabe é que sua mulher, uma doida ninfomaníaca que só pensa em sexo o tempo todo, está sendo influenciada por amigas mais velhas que estão lhe aconselhando a arrumar um amante para não cair na monotonia do casamento. Já ?padeiro2

Até aí normal, mas a casadinha fica se insinuando para o portuga da padaria (o Pereio) que, como tem muito dinheiro, está sempre rodeado por uma corte de puxas-sacos. Ela fica naquele joguinho feminino do morte e assopra, dá e não dá. Isso vai deixando o lusitano maluco.

Decidido a faturá-la de qualquer maneira ele arma uma tocaia e... (olha a palhaçada) lhe oferece uma grapete. Ver a cara e o sotaque do Pereio dizendo “ó morena bebes comigo uma grapete ?” já é de chorar de rir. Ela cede e vai até a casa do padeiro para tomar mais um refri. Acontece que o Pereio era um picaretaço e chamou um colega para ficar escondido no armário para fotografar a Ritinha pelada. Após uma certa enrolação o português dá uns beijinhos e tira a roupa da gostosa. Ela escapa e aí o dono da padaria decide que encontrou o amor se sua vida e começa a persegui-la.

No dia seguinte o amigo fotógrafo fez uma porrada de cópias do padeiro com a moça no sofá e, camarada, acaba socializando as fotos com a galera... No momento em que a padaria inteira, menos o Pereio que foi atrás da Ritinha, estava admirando as fotos, quem aparece por lá para tomar uma breja ?

Exatamente. O marido corno. Após se certificar da traição, o Mário toma todo o estoque de cachaça do local e chega em casa mamado. Sua esposa, que acabava de voltar de uma consulta ao médico, informa que está grávida. Ele magoado a manda para a ponte que caiu e ela foge de casa humilhada e revoltada. Grita que vai abortar.
Agora, o Mário, que além dos chifres está com complexo de culpa, decide que a criança tem que nascer de toda forma e procura um advogado. Só que neste momento o Pereio teve a mesma idéia e agora: Pereio, marido traído e advogado fanfarrão decidem que somente um flagrante de adultério serviria como motivo para reivindicar a futura criança. Saem ao encalço da Rita. Um dos ajudantes do padeiro descobre que a moça está numa cabana com um negro que conheceu na praia. Lá na cabana, o rapaz conquista a moça com lábia de vendedor e começa a dar uns beijinhos na fogosa. padeiro3

Chega o elenco inteiro do filme: Pereio e amigos, marido corno, amigas de colégio, passistas de escola de samba que ensaiavam por lá, moleques de um time de futebol, cachorros, vendedores de pipoca e quando a casa inteira estava cercada, os dois pombinhos, que estavam fazendo o que não deviam, escutam toda a confusão. Mas o negro era uma espécie de David Copperfield da malandragem e quando o advogado chuta a porta para anunciar o flagrante (detalhe: uma fanfarra tocava lá fora, a traição virara motivo de celebração na comunidade) eis que o rapaz surge com a camisa do Flamengo e um manto preto, fumando um cachimbo e fazendo pose de pai-de-santo. O advogado se borra todo de medo, dobra o joelho e pede à benção ao espírito do preto- velho. Percebendo que caíram na sua conversa mole o negão invoca a presença de mais algumas entidades e a Ritinha, que estava pelada, se enrola num lençol imitando pomba-gira. A cena surpreende a multidão e em segundos todos estão em transe coletivo. O “santo” baixou na multidão que estava lá fora. Apitos, réco-réco, cuíca e agogô. Sobem os letreiros.

Um assombro ! Da linha ver para crer !

Momento especial: A participação do obscuro mas genial Cry-Babies (gravou um único álbum raríssimo que o Rodrigo da Phono 70 gravou para mim em CDR) que executa a canção “J’Taime Moi non Plus” de maneira instrumental, na praia, em cima de umas rochas, com aqueles tecladinhos tipo Lafayette...

*****Ótimo

 

domingo, 30 de agosto de 2009

TOKYO BLADE

tokyobladeCARINHA

Mais sobre a banda aqui:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Tokyo_Blade

Tokyo_Blade_-_Tokyo_Blade_-_Front

Tokyo Blade (1983)

http://rapidshare.com/files/139305860/Midnight_Rendezvous.zip

TOKIOBLADEnight of the blade

Night of The Blade (1984)

http://rapidshare.com/files/62251731/Tokyo_Blade_-_Night_Of_The_Blade__1984.rar

tokyo blade mis behavin

Ain’t Misbehavin (1987)

http://rapidshare.com/files/184598363/Aint-Misbehavin.zip

RECRUTA ZERO Nº 186

HQ-RECRUTA ZERO.jpg

Brasil (1978)

Editora RGE

Licenciada pela King Features Syndicate

Veterano das bancas e tiras de jornais brasileiros, este inesquecível personagem criado por Mort Walker em 1923, tinha suas aventuras ambientadas no Quartel Swampy. O recruta Zero sempre tenta escapar das tarefas que o rabugento sargento Tainha lhe ordenava. Tinha ainda que escapar das mordidas do segundo-sargento Oto, o cachorro do Tainha que tinha patente superior à dos recrutas, agüentar as reboladas da Dona Tetê, secretária do general Dureza, e comer o angu de carçoco do cozinheiro Cuca. Claro que ele ainda se aliava ao Quindim para aprontar pra cima do tenente Escovinha e fazia o Dentinho de palhaço. O mais legal é quando o Tainha batia no Zero; nessa hora o personagem virava tapete e podia se ver dentes e sapatos esparramados pelo chão simbolizando o tamanho da sova que levou. Recentemente saiu uma fantástica edição tamanho gigante e capa dura , editada pela Opera Graphica, reunindo os primórdios do personagem. Nos anos 1970 a Editora Abril publicou uma espécie de cópia da revista do Zero. Era a revista do Recruta Biruta. Em breve comentarei também sobre ele.

sábado, 29 de agosto de 2009

GIRLSCHOOL

girlschoolCARINHA

Mais sobre a banda aqui:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Girlschool

girlschool - hit and run

Hit and Run (1981)

http://rapidshare.com/files/145471238/Girlschool_-_Hit___Run___1981.rar

Girlschool_screamin

Screaming Blue Murder (1982)

http://rapidshare.com/files/130257826/1982_-_Girlschool.rar

girlschool - running wild

Running Wild (1985)

http://rapidshare.com/files/13032904/Girlschool__-_Running_Wild__1985_.rar

KC AND THE SUNSHINE BAND

KC And The Sunshine Band

FRANK ZAPPA EM SETEMBRO NA SESSÃO COMODORO !!!

00200motelsukosGOOD

Finalmente no próximo dia 2 de setembro 200 MOTÉIS  de Frank Zappa vai ser exibido na Sessão Comodoro e como complemento o Curta MINAMI EM CLOSE UP: A BOCA EM REVISTA de Thiago Mendonça.

Rua Augusta, 2075 Cerqueira César. Telefone: (11) 3087-0500

Imperdível !!!

O HOMEM DE SEIS MILHÕES DE DÓLARES Nº 3

HQ-O HOMEM DE SEIS MILHÕES DE DÓLARES.jpg

Brasil (1977)

Editora Bloch

Earl Norem (arte da capa)

Poucas pessoas tem a chance de se tornarem, ainda vivas, personagens de histórias em quadrinhos. Com Lee Majors foi assim. Com a popularidade da sua série “Cyborg” lá na estratosfera ele viu surgir um gibi que no Brasil ganhou o nome de “O Homem de Seis Milhões de Dólares”. O personagem tinha exatamente a sua cara. A revista, publicada pela Bloch (que durou oito edições) trazia no seu terceiro número duas histórias: “O Segredo do Himalaia” e “Vá lá, ache e volte”. Na primeira, Steve Rogers é enviado ao Oriente para descobrir o paradeiro de um jato americano perdido no meio da neve e se depara com a máfia local. A outra, traz nosso herói para o Amazonas com a missão de encontrar uma cientista desaparecida e impedir que ela caia nas mãos dos comunistas. Uau ! Não é que quase o roteirista acertou. Só não tenho certeza se a comuna do Araguaia durou até 1977. Parece que a baderna acabou por lá em 1974 quando os militares passaram fogo em todo mundo. Passada algumas décadas, os brasileiros, que nem são ciborgues, tem que agüentar e pagar as “indenizações” reivindicadas pelos aspirantes a guerrilheiros. E olha que o valor já ultrapassa os “Seis Milhões de Dólares”.

Em tempo: O Cyborg se desvalorizou com a inflação...

DEMOCRATAS X REPUBLICANOS

Só na terra do Tio Sam isso é possível. Olha que bela lição de democracia…

a1 a2

“Barrack's Big Stimulus Package”   x  “Who’s Naylin’ Pailin ?”

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

WARRANT

warrantCARINHA

Mais sobre a banda aqui:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Warrant_(banda_dos_Estados_Unidos)

warrant(1)dirty rotten filthy

Dirty Rotten Filthy Stinking Rich (1988)

http://rapidshare.com/files/.../Warrant_-_Dirty_Rotten_Filthy_Stinking_Rich__1989_-tulum.rar

warrant(2)cherry pie

Cherry Pie (1990)

http://rapidshare.com/files/.../Warrant_-_Cherry_Pie.rar

warrant(3)dog eat dog

Dog Eat Dog (1992)

http://rapidshare.com/files/.../Warrant_-_Dog_Eat_Dog-tulum.rar

MANOWAR

manowarCARINHA

Mais sobre a banda aqui:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Manowar

manowar-battle 1

Battle Hymns (1982)

http://rapidshare.com/files/.../Manowar_-_Battle_Hymns.rar

manowar-into glory2

Into Glory Ride (1983)

http://rapidshare.com/files/.../MANOWAR-Into_Glory_Ride.rar

manowar-hail to england3

Hail To England (1984)

http://rapidshare.com/files/.../Manowar-Hail.rar

MOSQUITO MAN

Mosquito_Man_DVD

EUA (2005)

Direção: Tibor Takács

Elenco: Corin Nemec ,Musetta Vander, Matthew Jordan, Patrick Dreikhaus e Jay Benedict

Nove anos após “A Mosca” de David Cronenberg, o diretor húngaro Tibor Takács nos brinda com este “Mosquito Man”. Com verba pequena e produção modesta, o filme , rodado sem muitas externas, surpreende e funciona.

Um novo vírus batizado de Guilin está se alastrando  e dominando os EUA. Hospitais e cemitérios estão lotados. Para dar  um basta nisso, o governo financia uma pesquisa biológica em busca de uma cura e não hesita em usar cobaias humanas.

Arrumam então um psicopata para testar as vacinas mas não contavam com a rebeldia do sujeito. Quando o encarcerado se dirigia para testar o experimento, um segurança mais relapso acaba deixando a chave das algemas próximo do prisioneiro. Este com uma cabeçada derruba o portador das chaves, consegue abrir suas algemas, desarmar um guarda, matar outro, e acaba promovendo grande tiroteio nos corredores do centro de pesquisas. Os péssimos seguranças do local viram presa fácil pois além de faltarem no treinamento de tiro ao alvo ainda são lentos de raciocínio. O bandido se esconde numa sala de um laboratório e arrasta uma cientista com ele. Como o tiroteio é insano, não demora e uns silos contendo material explosivo é perfurado. Agora um grande incêndio e explosão ocorre no local e manda tudo pelos ares.

Quando a fumaça vai embora o que temos é o maníaco meio deformado e a doutora desmaiada. Os dois se ferraram bonito pois ficaram expostos a um líquido, usado em mosquitos, que estava sendo testado na pesquisa. Essa poção catalizava e promovia alterações sanguíneas e deformações na pele.

Faça as contas: líquido do inseto + gás explosivo + radiação + explosão = homem mosquito.

O agora mutante, escapa do laboratório, toca o terror pelas ruas e fica à espreita da doutora que ,embora mantenha ainda sua forma humana, em breve também se transformará em mulher-inseto.

Mas um detetive durão, namorado da cientista, não vai entregá-la fácil para o monstro e, usando dos poderes (?) do seu cargo, mobiliza a polícia e convoca a SWAT. O comando tático espacial achando que o caso era moleza chega com aquelas armas high tech que se revelam um fiasco. Acabam nem fazendo cosquinha no Homem Mosquito. Este, provocado, mata vários soldados da tropa e ainda consegue fugir. O abnegado detetive vai atrás e a batalha final se dá num túnel de uma quebrada qualquer da cidade. Lá, o policial percebe que sua morte é certa mas decide lutar com a coisa; acaba então ajudado pela namorada-inseto que a esta altura travava sua guerra pessoal ao tentar retardar a sua metamorfose. Mesmo já com rosto de libélula ela ainda resgata um pouco de sua humanidade e decide ajudar o namorado.

Decidida, ela pega uns fios de alta tensão e cola na barriga do Mosquito Man que dá um urro de dor e morre. Claro que ela também parte desta para melhor, não agüentou a descarga elétrica e virou churrasquinho. O rabudo do detetive acaba sendo o único ileso do combate todo.

Já próximo do final do filme, o homem da lei  vai caminhando lentamente, está todo machucado, e aos poucos retorna para o seu automóvel e delegacia. Com o caso encerrado ele terá tempo de comer aquelas rosquinhas e tomar café em copos de papelão como fazem os tiras dos filmes americanos.

Moral da história: Mosquito bom é mosquito morto !

***Bom

FILOSOFIA CONTEMPORÂNEA – 14

 

“Mulher, para mim, é como vinho. Gosto muito, mas não entendo nada”.

Anônimo, em 26/08/09

SPECTREMAN n° 19

HQ-SPECTREMEN.jpg

Brasil (197x)

Editora Bloch

Este Tokusatsu em forma de quadrinhos foi publicado pela editora Bloch durante a década de 1970 e durou 30 números. Nascido da série de TV japonesa (foi produzida pela P-Productions) foi exibida no Japão entre 1971-1972. No Brasil começou exibida pela Record lá pelos idos de 1978 e depois migrou para o SBT em 1980. Este gibi como muito outros adaptados em séries japonesas não emplacou entre os leitores de HQ. O conceito de mangá só surgiria depois a reboque de sucessos como “Cavaleiros do Zodíaco” e da revista “Herói”. Fica como curiosidade. Olha a chamada da capa: “Spectreman tem de lançar mão de seu escudo de força para enfrentar os deuses do Templo da Eternidade”. Fala sério... Não dá para ser ruim né ?

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

ZEBRA

zebraCARINHA

Mais informações aqui:

http://lagrimapsicodelica.blogspot.com/2006/10/zebra.html

zebra1

Zebra (1983)

zebra2

No Tellin’ Lies (1984)

zebra3

3.V (1986)

http://lagrimapsicodelica.blogspot.com/2006/10/zebra.html

KRIPTA n° 1

HQ-KRIPTA.jpg

Brasil (1976)

Editora RGE

Publicado originalmente pela Warren Publishing

Quadrinhos de terror sempre foi um barato. Com arte sempre em P/B e roteiros fantasiosos valia de tudo: mortes, torturas, vilãs gostosas, inocentes heróis e espertinhos se dando mal. “Kripta” título que surpreendentemente durou 60 números (foi publicado até 1981) veio alimentar esta predileção de leitores mais velhos pela temática mais séria. Com muitas histórias adaptadas de contos da literatura internacional, este saudoso número de estréia trouxe cinco histórias: “Drácula”, “A Doença Lunar”, “A Espera”, “Satana, a Filha de Satã” e “Apocalipse: A Guerra”. Esta última uma ferina critica aos “masters of war”...

QUINTA-FEIRA FELIZ

White-Flag

mao 

abraço

BRIGAR PRA QUÊ ?

ORAÇÃO DE SÃO FRANCISCO DE ASSIS

são francisco

                #

Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz.
Onde houver ódio, que eu leve o amor,
Onde houver ofensa , que eu leve o perdão,
Onde houver discórdia, que eu leve a união,
Onde houver dúvida, que eu leve a fé,
Onde houver erro, que eu leve a verdade,
Onde houver desespero, que eu leve a esperança,
Onde houver tristeza, que eu leve a alegria,
Onde houver trevas, que eu leve a luz.

Ó Mestre, fazei que eu procure mais
consolar que ser consolado;
compreender que ser compreendido,
amar, que ser amado.
Pois é dando que se recebe
é perdoando que se é perdoado
e é morrendo que se nasce para a vida eterna...

Para saber mais sobre a oração:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Ora%C3%A7%C3%A3o_de_S%C3%A3o_Francisco_de_Assis

FILOSOFIA CONTEMPORÂNEA – OFF TOPIC

 

“Tornamo-nos odiados tanto fazendo o bem como fazendo o mal”.

Niccolo Maquiavel

“Não se é menos culpado não fazendo o que se deve fazer do que fazendo o que não se deve fazer”.

Marco Aurélio

“Pode ser que um dia deixemos de nos falar...
Mas, enquanto houver amizade,
Faremos as pazes de novo”.

Albert Einstein

“A vida é aquilo que acontece enquanto a gente tá ocupado fazendo planos para o futuro”.

John Lennon

FILOSOFIA CONTEMPORÂNEA - 13

 

“A gente olha pra bunda delas. Elas olham pra nossa poupança”.

Anônimo, em 25/08/09

GREY ART E O PORNÔ CULT

 greyart

Sasha Grey começou a produzir material para sua nova companhia, a Grey Art.

Uma produtora de serviços completos para filmes adultos. Sasha não está sozinha nesse projeto, conta com Oren Cohen na sociedade.
A primeira produção se chama The Fuck Junkie e será lançado agora no verão norte-americano. Marca também o início de Sasha como diretora pornô.

Esperei muito tempo para poder espalhar minhas sementes como diretora, queria uma equipe boa ao meu lado. Juntos, eu e Oren criamos a Grey Art para divulgar nossa visão para públicos diferentes.” comenta Sasha.

Já o comentário de Cohen foi: “Nossas visões e sensibilidades são muito parecidas, trabalhar com a Sasha é algo natural e positivo. Foi ótimo encontrar uma “parceira de crime” para essa estranha jornada“.

O site da produtota deve começar a funcionar junto com o lançamento do filme.

Fonte: http://gogopornville.com/page/2/?s=sasha+grey

BRITNY FOX

britnyfoxCARINHA

Mais sobre a banda aqui:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Britny_Fox

britny fox(1)same

Britny Fox (1988)

http://rapidshare.com/files/.../1988_-_Britny_Fox.rar

britinyfox(2)boys in the heat

Boys In Heat (1989)

http://rapidshare.com/files/.../Britny_Fox_-_Boys_In_Heat.rar

britnyfox(3)bite

Bite Down Hard (1991)

http://rapidshare.com/files/.../Britny_Fox_-_Bite_Down_Hard_por_mariel_.rar

FAÍSCA E FUMAÇA n° 4

HQ-FAISCA E FUMAÇA.jpg

Brasil (1976)

Editora Abril

Publicado originalmente pela Viacom International

Quadrinho infantil da Abril, recebia o subtítulo “Diversões Juvenis Apresenta”, “Faísca e Fumaça”, que eu conheci depois em forma de desenho animado, tem para mim uma importância fundamental. Em 1976, eu com 11 anos, li pela primeira vez com atenção uma história em quadrinhos. Essa história era nada mais nada menos que “Faísca e Fumaça” nº 4. A descoberta da existência deles é claro moldou toda uma infância e adolescência nerd de um jovem criado pela mãe e pelos tios. Se o valentão da escola esmurrava os mais fracos (eu), restava a certeza que ele nunca saberia o que eu já conhecia (Disney, Maurício, Fantasma, etc...). Neste gibi de 68 páginas a dupla de corvos está encarregada de construir um prédio e entre vigas, roldanas, carinhos de cimento e tábuas soltas acabam causando grande confusão. Como além de não construir nada acabaram quebrando tudo, os pássaros malucos acabam montando uma empresa de demolição. Suas verdadeiras vocações. Maravilhoso !

O gibi traz ainda histórias do Tatá Tantã, Omar Mota e Gastão o pintor. Estes, confesso que não me recordo. A edição trouxe ainda um pôster que me lembro de colar na capa de um caderno escolar.

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

PROSTITWITTESS

ANUN

Fausto Salvadori , do ótimo:

http://www.botecosujo.com/

Depois que Marcelo Tas usou o Twitter para fazer propaganda da Telefônica e a tal Tessália Serighelli criar um kit de mídia para se vender a tudo quanto é agência por conta dos trocentos seguidores que conquistou a custa de scripts e idéias que não superam os 140 caracteres — finalmente alguém achou uma maneira mais digna de ganhar dinheiro com o microblog.
É o
@ProstiTwittess, que diz cobrar 10 centavos por caractere de cada mensagem anunciando os serviços de prostitutas, travestis, michês e outros profissionais do mercado da comunicação. É um público-alvo interessante: um pessoall que tem experiência em escrever com poucos caracteres, porque sempre lidou com o desafio de espremer recados chamativos em anúncios curtos de classificados e orelhões.
Alguém poderia acusar o autor da idéia de favorecimento à prostituição e rufianismo, mas é bom lembrar que ele não faz nada diferente de
qualquer jornal.
Mesmo para quem não tem interesse em utilizar os serviços de anal giratório e oral até o fim da
@ProstiTwittess, vale a pena espiar os tweets porque são muito engraçados.

A Prostitwittess é amiga da garotada e publica anúncios sem cobrar nada, segundo seus criadores. Em entrevista por e-mail ao Boteco Sujo, a cafetina do Twitter esclarece que é um personagem criado por um grupo de amigos que resolveu levar para o Twitter as pérolas de putaria coletadas nos orelhões da cidade. O anúncio que fala na cobrança de R$ 0,10 por caractere, segundo eles, serve só "pra temperar a piada".
Boteco Sujo - Quem é você?
Prostitwittess - A Prostitwittess é uma personagem mantida por um grupo de pessoas. Todos são de São Paulo e têm entre 20 e 25 anos. Dois de nós ainda estão na faculdade e trabalhamos em três ramos diferentes
Boteco - Como surgiu a idéia de criar esse serviço?
Prostitwittess - A ideia surgiu quando um dos criadores leu
"Anal Giratório" em um desses anúncios em orelhões. Logo depois, se lembrou da frase "As putas já criaram o twitter há tempos, com aqueles anúncios pequenos nos orelhões".
Boteco - A cobrança é real?An_ncios.jpg

Prostitwittess -
Não, porque é contra os termos e condições de uso do Twitter. A bio com os valores faz parte da piada. Mas todos os anúncios são reais.
Boteco - Então é tudo uma brincadeira? Os anúncios são tirados dos orelhões?
Prostitwittess - Orelhões, internet ou colaboração dos próprios seguidores.
Boteco - Por que criar a "tabela de preços"?

Prostitwittess -
É só pra temperar a piada, deixar ela completa.
Boteco - Alguma puta já mandou algum anúncio querendo pagar para vocês? O que responderam?

Prostitwittess -
Já recebemos anúncios, mas publicamos sem cobrar.
Boteco - Qual foram as reações mais engraçada que vocês receberam?

Prostitwittess -
Já demos várias risadas com isso. A primeira foi do Cardoso e os cyberchatos de plantão, que ficaram putinhos achando que fizemos o perfil só pra ofender a Twittess. Na verdade só pegamos carona na fama do nome dela.
Depois veio o pessoal pedindo DDD ou anúncios de regiões específicas. Os primeiros anúncios recebidos,
inclusive o da revista MAD, nos fizeram rir bastante também.
Concordamos aqui que outro ponto alto foi um RT do dia 21, que um follower disse que "sexta é dia da perereca tomar leite de canudinho! Sigam a @prostitwittes" ou algo parecido.
Para confirmar se os serviços da
Prostitwittessa eram mesmo gratuitos, o Boteco entrou em contato com uma das profissionais anunciadas e perguntou se a dama havia pago para colocar seu anúncio no Twitter.
A resposta foi: "Como é que é? Tuita o quê?"

HUSTLER LANÇA THIS AIN’T STAR TREK XXX

hustler

Depois da superprodução “Pirates” com elenco estelar ( Janine, Jesse Jane, etc) que satirizava o filme de Johnny Depp agora é a vez  de mais uma paródia pornô; a vítima da vez é a série “Jornada nas Estrelas” que pela visão da Hustler virou This Ain´t Star Trek XXX. Com direção de Axel Braun (quem ?) e elenco recheado de poderosas: Jenna Haze, Aurora Snow, Jada Fire e Sasha Grey (candidata a nova Jenna Jameson e a melhor descoberta da antenada Belladonna) esta pérola promete algo mais que calo na mão…

Y & T

Y & T CARINHA

Mais sobre a banda aqui:

http://en.wikipedia.org/wiki/Y%26T

YT(1)blacktiger

Black Tiger (1982)

http://rapidshare.com/files/.../Y___T_-_Black_Tiger.zip

YT(2)mean streak

Mean Streak (1983)

http://rapidshare.com/files/.../Y_T-Mean_streak-_1983_-AOR_DOWNLOADS-ANTONIO.rar

YT(3)Open Fire

Open Fire (1985)

http://rapidshare.com/files/.../1985__Open_Fire_-_Y_T.rar

AIRTO DE VOLTA (POR POUCO TEMPO) AO PAÍS DA BUROCRACIA (Jornal de Música, agosto de 1977)

                                        ------------------------------